Reflexões sobre Morfologia

Reflexões sobre morfologia

Autor: Doutor Ing. Ramiro González -Criador de PastoresAlemães “De Ramdefels” – Espanha

Prólogo

Acriação, eu francamente não sei se é uma arte ou uma ciência, porém estoucerto, que é um trabalho de anos de determinação, de conhecimentos eexperiência, de alegrias e dissabores, de lutas e dedicação, de ilusões esonhos, etc, etc.

Acriação do pastor alemão de alta qualidade preparado para grandes competições,não é uma tarefa fácil.

Nafalada criação, intervém muitos fatores que podem jogar por terra todas nossasilusões, somado que os problemas não terminam quando se seleciona a fêmea oureprodutor, muitas vezes o trabalho não é fácil, pelo que eu diria que começamnossas ações e preocupações já que é desalentador ir à Alemanha realizar umacobertura que resulte na fêmea ficar vazia, tempo e dinheiro perdido.

Maistarde no dia do parto, vigiar quantos nascem e quantos morrem, já temos outropasso adiante.

Umavez que a ninhada nasceu e à medida que vão crescendo continuam aspreocupações, como diz o refrão “cachorros (filhotes) criados problemasdobrados”, e se têm enfermidades, e se tem falta de vitaminas, e se não saem ospré-molares, e se é monórquido ou prognata, se anda corretamente, se possuiangulações, garupa, etc. etc. e por ultimo quando já o criamos e treinado e nosagrada, já que gostamos de sua estrutura, temos que submetê-lo ao raios-X deDisplasia e esperar que seja satisfatória.

Comopodem compreender, são muitas coisa para deixar à sorte ou ao azar a obtençãode um animal decente.

Poristo vamos a comentar alguns aspectos sobre a MORFOLOGIA do Pastor Alemão, paratentar ou pelo menos procurar saber algo mais,   para o bem da raça enossa própria satisfação.

“O conhecimento e o trabalho bem feito são osúnicos que dão origem à melhora da raça”.

Introdução

Vamostentar refletir um pouco sobre o Pastor Alemão sob um ponto de vistaestritamente MORFOLÓGICO, (Morfologia: é a ciência que estuda as formas e asestruturas dos seres vivos) quer dizer, estudaremos somente suas dimensões,proporções, estrutura, angulações, etc. uma vez que outros conceitos, tambémmuito importantes no Pastor Alemão, tais como o Temperamento, Cor, Pelagem,etc. serão discutidos em outra oportunidade.

Paratal, devemos refrescar a memória e recordar os conceitos básicos sobre a geometriamétrica (a geometria mais antiga conhecida) estudada em nossos primeiros anosde escola.

Origens

Foino ano de 1572 quando o inglês KEYS escreveu pela primeira vez na historiacanina, uma relação de todos os cães conhecidos na Inglaterra subdividindo asraças de acordo com sua aplicação prática.

Nãoobstante, foi no princípio do século XIX o momento em que o Zoologista ePaleontologista francês,   Georges CUVIER, criador da anatomia comparada,classifica as raças caninas tendo em consideração sua MORFOLOGIA, classificaçãoque foi‚ anterior à zoológica a qual serviu de base a todas as classificaçõesposteriores.

Anosmais tarde o também francês Pierre MEGNIN em 1897, elabora a classificaçãocientífica que atualmente está em vigor e que ordena as raças caninas de acordocom suas características MORFOLOGICAS, fazendo especial consideração sobre acabeça do cão.

Classificação científica

Cientificamenteas raças caninas se classificam em quatro categorias:

Independentementedesta classificação científica, as Raças Caninas se ordenam em dez grupos, deacordo com a Assembléia Geral da F.C.I. celebrada em Jerusalém em Junho de1.987.

OPastor Alemão pertence ao Primeiro Grupo (Cães de pastoreio). Sob o ponto devista científico, O PASTOR ALEMÃO é um LUPÓIDE.

Classificação funcional

Aolado da classificação MORFOLÓGICA, existem outras classificações que considerama funcionalidade da raça, tais como:

TROTADORES,GALOPADORES e TIPO FORÇA:


Trotadores:são cães de corpo retangular, garupa com angulação superior aos 25 graus etórax profundo (pastores).

Galopadores:são cães quadrados, garupa grande muito inclinada, ombros levantados eantebraços compridos (galgos).

TipoForça: cães com ossatura pesada, pescoço curto, tórax aberto, costelas em formade barril (bull-dog).

OPASTOR ALEMÃO é um TROTADOR

Planos CRANIOFACIAIS (fig 6)

Umadas características fundamentais de todas as raças é a cabeça, pois bem, emfunção dos planos craniofaciais as raças se podem classificar em:

ORTOIDES, CELOIDES e CERTOIDES.


Deacordo com o angulo formado pelos planos craniofaciais: paralelos, convergentesou divergentes.

OPASTOR ALEMÃO é um  ORTOIDE já que tem os planos craniofaciais paralelos.

Outradas classificações a respeito da cabeça é o índice cefálico que não é nada maisdo que a relação existente entre a largura da cabeça e o comprimento da mesma,e se classificam em:

DOLICOCEFALOS,MESOCEFALOS E BRAQUICEFALOS.

Emfunção de que a largura da cabeça seja menor, igual ou maior que a metade docomprimento da cabeça. O PASTOR ALEMÃO é um MESOCEFALO, quer dizer a largura dacabeça deve ser igual à metade do comprimento da mesma.

Índice corporal e torácico


Existemalgumas outras classificações que levam em conta outros parâmetros tais como oíndice corporal que consiste em dividir o comprimento do tronco pelo perímetrodo tórax.

Comotambém existe o índice torácico que se calcula dividindo a largura do tóraxpela altura do mesmo.

De acordo com estes índices os cães se classificamem:

BRAQUIMORFOS:índice corporal < 0,7 – índice torácico > 0,9

MESOMORFOS:índice corporal 0,7/0,85 – índice torácico 0,6/0,9

DOLICOMORFOSíndice corporal > 0,85 – índice torácico < 0,6

OPASTOR ALEMÃO é um MESOMORFO, pois seu índice corporal está entre 0,7 y 0,85 eseu índice torácico está entre 0,6 y 0,9.

Quadro Resumo do Pastor Alemão:

CIENTIFICA

LUPOIDE

FIG.1

FUNCIONAL

TROTADOR

FIG.5

PLANOS

ORTOIDE

FIG.6

IN. CEFALICO

MESOCEFALO

FIG.7

IN. CORPORAL

MESOMORFO

FIG.8

IN. TORACICO

MESOMORFO

FIG.8

Padrão

Asdiferentes divisões das Raças Caninas são altamente importantes já que cada umadelas agrupa indivíduos com características similares.

Asparticularidades definidas no padrão de uma raça é o modelo de protótipo dedita raça, as quais podem ser variáveis com o tempo, com a cultura ou com oscostumes, em função de melhoras MORFOLOGICAS ou PSIQUICAS obtidas pelosdiferentes acasalamentos, cientificamente estudados, com o intuito de alcançaro nível máximo dentro da dita raça.

Defato os standards das distintas Raças Caninas vêm se adaptando aos temposmodernos e incrementando suas definições a fim de enriquecer e melhorar a raçaestudada.

Opadrão do PASTOR ALEMÃO foi aprovado pela primeira vez em 1899, posteriormenteaumentado e aperfeiçoado no congresso de Colônia de 1909 e nos de Wiesbaden de1930 e 1961 e por ultimo reescrito pela W.U.S.V. em agosto de 1976.

Desdeo começo, idealizado por Mayer e Von Stephanitz até nossos dias poucasvariações ocorreram. Atualmente no standard do Pastor Alemãose estabelecem tanto características Físicas como Psíquicas (Temperamentoe caráter).

Cão típico

Quandono relatório que o Juiz emite com o motivo de sua qualificação em umaexposição, aparece a expressão “cão típico” está se referindo simplesmente aque o cão que ele julgou, atende as qualidades e características próprias daraça de acordo com o padrão oficialmente reconhecido pela F.C.I.independentemente de seu próprio gosto.

Paradefinir um cão como “típico” se deve considerar, a correta proporção de todasas dimensões do cão, não se deve se fixar somente na altura isoladamente, umavez que deve ser considerada em proporção com o comprimento e o restante dasdimensões.

Deveter uma clara expressão do sexo e deve transmitir ao publico uma sensação depotencia e capacidade de trabalho.

Conjunto morfológico

Nãotemos nenhuma dúvida se afirmamos que o mais importante de um cão deve ser seuconjunto, se falamos de beleza Morfológica!

Separtirmos do principio de que a beleza “é a harmonia no conjunto”. Quandoanalisamos um cão se deve ver em seu conjunto tanto em “parado” como emmovimento. Um cão é belo quando existe harmonia em todas suas partes, nãoobstante para que um cão no conjunto seja harmônico deve ter sua anatomiaconsiderando os elementos que a compõem individualmente perfeitos ecorretamente bem posicionados, já que se apenas um de seus membros não écorreto ou não está bem posicionado, destoa o conjunto, igual a uma orquestrade músicos que se um deles toca por sua conta, o concerto desanda.

OPASTOR ALEMÃO é um conjunto composto de subconjuntos e estes por sua vez sãoformados por elementos mais simples, se qualquer deles não está de acordo com oresto dos demais elementos no final o conjunto total não será harmônico econsequentemente não teremos um cão de bela estampa.

Estatura

OPASTOR ALEMÃO dentro do mundo canino é considerado como um cão de altura demédia.

Opadrão da raça define que a altura da cernelha deve estar compreendida entre 60e 65 centímetros para os machos e 55 a 60 para as fêmeas.

Amedição da altura de um cão deve ser feita com um medidor especial e não com oclássico metro e uma régua, já que fazer desta forma pode induzir a grandeserros. Outra condição importante é a de ser realizado sobre um terreno plano ehorizontal, por outra parte o cão deve estar relaxado e muito descansado, casocontrário, a medição pode não ser totalmente correta.

Devemser realizadas no mínimo três medições para obter um valor confiável.


Oque se mede, é o esqueleto, desde a cernelha com o pelo abaixado, até o solo,com uma vertical que passe justo por detrás do cotovelo do cão.(fig 9)

Estamedição só proporciona um valor numérico útil de comparação, já que o maisimportante é a aparência geral do cão, a qual deve transmitir ao público umasensação de proporção, força e grande capacidade de trabalho, proporcionandodefinitivamente uma constituição harmônica.

Ovalor real da altura deve ser dado pelo Mestre de Seleção e anotado na Súmulade Seleção do cão, já que esta medição é a única oficial, registrada sempossibilidade de recurso.

Maisimportante que a altura apenas é a proporção da altura em relação aocomprimento do tronco, que deve estar compreendida entre 110% e 117 % da alturada cernelha.

OPASTOR ALEMÃO é uma raça de corpo retangular com uma proporção harmônica.

Emtodo momento o cão deve dar a impressão de que não lhe sobra nem lhe faltanada, já que isto ocorre quando todas as partes do corpo, ossatura, músculos,peso, volume corporal, posição do centro de gravidade, etc., etc. estão em concordânciae equilíbrio e o todo encaixa em forma proporcional e posicionamento comrespeito ao restante do corpo.

Porémquando notamos algo que não se encaixa e desgostamos, devemos ser capazes deconhecer e distinguir claramente, o que é que destoa, analisando e estudando oque o cão tem a maior ou a menor como defeito para tentar corrigir, se isto épossível por meio de exercícios, alimentação, etc.

Emresumo, pode-se considerar que julgar um cão somente pela altura é um graveerro, já que a altura é uma parte integrante do conjunto e o importante não éseu valor absoluto e sim a proporção com relação aos outros parâmetros, uma vezque, em todo momento o PASTOR ALEMÃO deve transmitir a mensagem de que estáfísica e psiquicamente preparado para cumprir a função própria de sua raça.

Alémda função própria de sua raça o macho deve proporcionar a sensação de um bomreprodutor e no que diz respeito às fêmeas devemos encontrar além de seudimorfismo sexual, o convencimento de que serão capazes de reproduzir e criaruma grande ninhada de filhotes sãos, fortes e grandes e isto só se conseguegeralmente com cadelas grandes, fortes com muito osso e grande proporção devolume.

Cabeça


Comodiz o cinófilo italiano Solaro “A cabeça define a raça”. No PASTOR ALEMÃO estaexpressão é perfeitamente adequada dado que a cabeça é uma das característicasmais importantes sob o ponto de vista de beleza. A cabeça no PASTOR ALEMÃO deveser proporcional de acordo com as dimensões do corpo.

Ocomprimento da cabeça deve ser aproximadamente 45% da altura da cernelha,medida desde a parte exterior da trufa até a apófise occipital externa, poroutro lado como já se falou anteriormente, o Pastor Alemão, é um cãoMESOCEFALO, portanto, a largura da cabeça será igual à metade do comprimento damesma (fig 10).

Ocomprimento do crânio será igual ao comprimento do focinho e consequentementeigual à metade do comprimento total da cabeça.

Alinha superior do focinho deve ser reta (visto de perfil), não curvada(montonismo) e o arco zigomático lateral deve ser ligeiramente curvo (fig 11).

Alinha superior do focinho deve ser paralela à linha superior do crânio (cabeçaortoide) (fig 6).

Adepressão crânio frontal (stop) lateralmente deve ser pouco marcado.

Vistapor cima, a cabeça apresenta uma forma de tronco de cone, que partindo dasorelhas até a trufa vai estreitando, o comprimento e a largura do crânio devemser iguais (fig 10).

Vistode frente, o arco zigomatico frontal deve ser muito leve e o sulco centralpouco marcado (fig 11).

Aaltura da cabeça na zona do stop, perpendicular ao plano do focinho deve serigual à largura da cabeça, para que esta tenha um volume proporcional (fig 10).

Cão expressivo

Quandoo Juiz em sua súmula define um animal como “cão muito expressivo” ousimplesmente “expressivo” está se fixando no conjunto da estrutura da cabeça,já que um cão é expressivo quando deixa transparecer em sua cabeça um estado deanimo puro e vivaz.

Basicamenteum “cão expressivo” é o que por meio de sua “cara” transmite a todos os que orodeiam seu espírito alegre, vivaz e simpático, caracterizando em seu “rosto”um estado de animo puro e força interna, dentro do conjunto geral da cabeça comuma perfeita harmonia de forma e cores.

, 30/11/-0001

Entre em contato

Ninhadas

Guerrero   Bell

Guerrero x Bell

Previsão: 15/12/2020

  Conheça

Guerrero x Bell

Previsão: 15/12/2020
Machos: 0
Fêmeas: 0
Disponíveis: 0
KARLO   Zilly

KARLO x Zilly

Nascimento: 02/09/2020

  Conheça

KARLO x Zilly

Nascimento: 02/09/2020
Machos: 3
Fêmeas: 5
Disponíveis: 5